25 de maio de 2008

O Twitter pode ser rede social ?



E como utilizar na aprendizagem de línguas?

5 comentários:

Vanessa S. Freire de Andrade disse...

Oi pessoal!

Acredito sim que o Twitter pode ser rede social, assim como o Orkut.
Confesso que nunca usei o Orkut para o ensino de segunda língua*, e só fiquei conhecendo o twitter agora, através do blog de vocês. Reiterando o que já havia dito, acredito que uma das grandes vantagens que essas ferramentas conferem à aprendizagem de segunda língua é a possibilidade da elaboração de tarefas com total autenticidade. Os alunos sabem quem vai ler a informação postada por eles, porque estão escrevendo determinada coisa e assim por diante, além de poderem comunicar-se com falantes nativos. Também questões pragmáticas da língua que frequentemente são tão negligenciadas pela falta de autenticidade ou mesmo contexto de tarefas propostas por livros didáticos podem ser muito melhor contempladas com o uso desas ferramentas.


*já ouvi comentários de alunos dizendo que, apesar do Orkut ser muito usado aqui no Brasil, no mundo todo o My Space é mais usado, o que para o ensino de segunda língua é uma desvantagem, já que não existem muitos falantes nativos de língua inglesa integrantes da rede Orkut.Será que isso ocorre mesmo?

Que blog legal!

Abraço,
Vanessa.

Vanessa S. Freire de Andrade disse...

Oi pessoal!

Acredito sim que o Twitter pode ser rede social, assim como o Orkut.
Confesso que nunca usei o Orkut para o ensino de segunda língua*, e só fiquei conhecendo o twitter agora, através do blog de vocês. Reiterando o que já havia dito, acredito que uma das grandes vantagens que essas ferramentas conferem à aprendizagem de segunda língua é a possibilidade da elaboração de tarefas com total autenticidade. Os alunos sabem quem vai ler a informação postada por eles, porque estão escrevendo determinada coisa e assim por diante, além de poderem comunicar-se com falantes nativos. Também questões pragmáticas da língua que frequentemente são tão negligenciadas pela falta de autenticidade ou mesmo contexto de tarefas propostas por livros didáticos podem ser muito melhor contempladas com o uso desas ferramentas.


*já ouvi comentários de alunos dizendo que, apesar do Orkut ser muito usado aqui no Brasil, no mundo todo o MySpaces é mais usado, o que para o ensino de segunda língua é uma desvantagem, já que não existem muitos falantes nativos de língua inglesa integrantes da rede Orkut.Será que isso ocorre mesmo?

Que blog legal!

Abraço,
Vanessa.

Julieta Sueldo Boedo disse...

Olá Vanessa, eu também ainda nunca usei essas ferramentas, como orkut e o twitter, com os meus alunos, mas acredito que elas têm um grande potencial.Achei fantástica a experiência da Helen utilizando o orkut em uma disciplina de língua inglesa (você pode ver a referência no blog do grupo dela: http://www.web2noensino.blogspot.com/ nas primeiras postagens). Porém, ela utiliza o orkut praticamenete como um AVA e a orientação dela como professora, nessa experiência, acredito que foi fundamental para a participação efetiva dos alunos. Por isso, percebo que o papel do professor continua sendo fundamental nesse processo, como mediador e guia.
Surge uma pergunta: será que os alunos teriam autonomia suficiente para usarem essa ferramentas para a prática da LE sem a mediação de um professor e conseguiriam manter ativa uma comunidade do orkut que tivesse como proposta a prática da LE???? Porque vemos sim que existem muitas comunidades desse tipo, mas a maioria ficam completamente inativas depois de algumas participações iniciais.

Posso te falar com relação à língua espanhola que o orkut não serviria para interagir com falantes nativos, pois é uma rede pouquíssimo conhecida nos países de língua espanhola. Inclusive, fica complicado se você quer que alguém de outro país veja, por exemplo, suas fotos no seu orkut, porque para isso ele precisa fazer seu login no google...

Valeska disse...

Concordo com a Vanessa que o Twitter pode ser considerado rede social. Ainda não usei o software mas já posso imaginar interessantes possibilidades pedagógicas.

rejane disse...

Oi, gente!

Gostei da idéia do Twitter. Dou aula de inglês para alunos surdos e penso que essa seria uma boa forma de manter uma interação entre eles.
Rejane